AS HABILIDADES QUE OS COMPRADORES DEVEM POSSUIR NO MUNDO DIGITAL

  16/01/2018 - Por : -

Em um mundo digital as habilidades que os compradores devem possuir são diferentes das que eram exigidas antigamente. A negociação, por exemplo, deixa de ser a competência mais requisitada. Em sua substituição há a necessidade de saber construir relações com stakeholders, compreender como os produtos são desenvolvidos e elaboradores, e conhecer como as cadeias de suprimento são executadas no dia a dia.

Todas essas questões são aprimoradas com a ajuda das tecnologias. Plataformas de e-procurement, por exemplo, ajudam a encontrar os melhores fornecedores e descobrir parceiros especializados. Por sua vez, o ERP integra os dados para que eles fiquem acessíveis e a gestão possa ser aprimorada.

Mas como saber quais são as reais habilidades necessárias? Neste post vamos apresentar as principais para que você possa se preparar e estar pronto para essa nova realidade.

Vamos lá?

O contexto atual de habilidades que os compradores devem possuir

O mundo está mudando – e mais do que um clichê, essa frase é verdadeira. No caso do setor de Compras, uma das modificações é o fato de a busca ser feita fora da simples economia de dinheiro ou da digitalização das funções.

A demanda atual exige que os dados criados pela supply chain sejam coletados e analisados em tempo real, a fim de que sejam obtidos insights relevantes e que possam ser utilizados prontamente no negócio. Para que essa situação seja efetivamente colocada em prática, é preciso contar com diferentes habilidades.

O que se identifica é que as equipes parecem ter algumas maneiras diferenciadas de se posicionar para entregar o que é necessário. A pesquisa Deloitte Global CPO 2017, divulgada pelo site Procurement Leaders, indicou que aproximadamente 29% dos Chief Privacy Officers (CPOs), ou diretor de Produtos acreditam que a falta de habilidades analíticas é um dos principais obstáculos à aplicação efetiva do processo de compras digitais.

A solução para os problemas

A identificação da falta de habilidades é o primeiro passo para superar essa situação. É possível utilizar ferramentas como avaliações de performance, pesquisas e habilidades de inventários. Todos esses recursos ajudam a detectar os gaps e o planejamento necessário para os programas de treinamento futuros.

Muitos gestores e empreendedores focaram os treinamentos em sistemas baseados na nuvem, ferramentas de mídias sociais e tecnologias móveis mais amplas. Outra atitude adotada foi ensinar as equipes a programar para que os colaboradores tivessem uma compreensão mais aprofundada dos métodos.

Ainda há CPOs que fazem o processo de recrutamento e seleção com a consideração das habilidades necessárias. Assim é colocado um novo paradigma: ao invés de olhar para as experiências dos candidatos, muitos gestores optam por enfatizar a agilidade, habilidades técnicas profundas e capacidade de aprender novas tecnologias rapidamente.

Em suma, é impossível ignorar a lacuna existente em relação às habilidades digitais. Por isso esse é o momento de preparar os times para um novo cenário, no qual haverá uma ruptura ainda mais gritante.

Agora que você conheceu as habilidades que os compradores devem possuir, entenda como a tecnologia pode ajudar as compras a resolver seu problema de talento.

Avalie esse Post

AS HABILIDADES QUE OS COMPRADORES DEVEM POSSUIR NO MUNDO DIGITAL
4.6 (92.73%) 11 votes