QUALIDADE DE BONS KPIS: 10 CARACTERÍSTICAS OBRIGATÓRIAS

  06/07/2017 - Por : -

Você sabe que os indicadores são essenciais para o seu negócio. Afinal de contas, é necessário mensurá-los e interpretá-los para saber o que é necessário ajustar na sua empresa. No entanto, qual é a qualidade de bons KPIs?

Os Key Performance Indicators (ou indicadores-chave de desempenho) devem ser úteis para garantir que os valores, visão e missão da empresa sejam repassados da alta direção para os colaboradores a fim de que os objetivos estratégicos sejam atingidos.

Por isso, os KPIs permitem mensurar a performance organizacional e asseguram que todos trilhem o mesmo caminho e cheguem aos mesmos objetivos.

Neste post vamos mostrar a importância da qualidade dos bons KPIs e o que é necessário para garantir isso.

Vamos lá?

Qualidade de bons KPIs

A mensuração dos indicadores de desempenho deve ser feita por meio de um sistema estruturado de informações, como o Balanced Scorecard (BSC).

Essa ferramenta de gerenciamento estratégico ajuda a medir se as ações operacionais estão alinhadas aos objetivos estratégicos.

Nesse contexto, os KPIs passaram a ser usados em diversos cenários.

Isso porque, atualmente, você pode aplicar os indicadores para todas as etapas de um processo e, consequentemente, é possível mensurar o resultado.

O cuidado que se deve ter é com o exagero de dados.

Quando a empresa define indicadores em excesso, a tendência é que haja informações inúteis, que acabam até atrapalhando a análise da situação da empresa.

Assim, fica evidente que os indicadores devem ser estabelecidos para que a empresa consiga analisar as etapas para o alcance de seus objetivos estratégicos.

Esses dados devem ser quantificáveis e ter algumas características específicas.

Veja as 10 principais a seguir:

  1. os indicadores devem traduzir os direcionadores de valor estratégico;
  2. os executivos devem definir os KPIs;
  3. os colaboradores também devem ter acesso aos indicadores, ou seja, eles devem fluir por toda a empresa;
  4. os KPIs devem ser criados a partir de padrões corporativos;
  5. os indicadores devem ser embasados em dados válidos;
  6. a compreensão dos KPIs deve ser fácil;
  7. os KPIs utilizados devem ser obrigatoriamente relevantes;
  8. os indicadores propiciam um contexto, por exemplo, metas, limites e benchmarks;
  9. os usuários se engajam aos KPIs;
  10. os indicadores direcionam a ações positivas.

Essas 10 qualidades também servem para fazer uma comparação de performance entre organizações.

As melhores podem ser utilizadas como benchmarks para outras que ainda precisam adotar as boas práticas existentes no mercado.

KPIs e a área de Compras

Esse setor também pode se beneficiar dos KPIs, já que é estratégico e vem sendo cada vez mais pressionado para apresentar bons resultados.

Essa situação também é derivada da abertura econômica e estabilidade brasileira, porque as empresas precisam ser mais eficientes.

Nesse cenário, os indicadores permitem que o departamento de Compras acompanhe sua performance e a dos fornecedores.

Utilizando uma ferramenta adequada ainda é possível indicar à direção os resultados positivos alcançados.

O resultado?

A valorização maior do setor de Compras e dos profissionais que atuam nessa área.

BSC e KPIs

O Balanced Scorecard pode ser usado em conjunto com os KPIs.

Ambos são relativos à performance organizacional, mas o segundo é parte do primeiro.

Ou seja, o BSC utiliza diversos indicadores, entre 4 e 5 grupos básicos.

O BSC também é mais flexível, porque permite delimitar a importância dos indicadores a partir da exemplificação de seu equilíbrio.

Por outro lado, os KPIs serão mais indicados nos casos em que se deseja ter uma visão mais detalhada, não global, dos problemas.

Por exemplo: uma avaliação em um nicho específico, como o financeiro.

Na área de Compras, o BSC permite analisar diferentes aspectos, como de gestão e financeiros. Já o KPI possibilitará a avaliação de aspectos determinados, como o mais valioso do scorecard ou de um grupo específico.

É importante lembrar de que o BSC ajuda a analisar o negócio sob 4 perspectivas: relação com clientes, finanças, processos internos e educação.

Desse modo pode analisar todos os aspectos do empreendimento.

Agora você já sabe a importância da qualidade de bons KPIs.

Para se aprofundar no assunto veja quais são os mais importantes para o controle estratégico do setor de Compras.

Avalie esse Post

QUALIDADE DE BONS KPIS: 10 CARACTERÍSTICAS OBRIGATÓRIAS
4.3 (86.15%) 13 votes